Para quem não é da área fiscal, saber qual alíquota de ICMS utilizar no preenchimento de Notas Fiscais  não é uma tarefa muito fácil.

Por outro lado, os contadores se veem em apuros quando alguma dessas informações está preenchida de maneira equivocada. Pois, tem que agir remediando a situação junto a Sefaz.

Os desenvolvedores de software, geralmente automatizam este tipo de informação no preenchimento das notas, para justamente não depender do conhecimento dos faturistas para tal. Em contrapartida, uma parametrização errada neste sistema, poderá ocasionar uma falha no cálculo automático deste campo.
Com isso em mente, a Tecnospeed implementou um pacote de regras baseado numa tabela padrão de para alíquota de ICMS para operações entre estados. Esta tabela, é a base para que, caso alguns dos critérios da tabela seja ferido, um alerta é apresentado ao usuário do Auditor Fiscal, dando a ele a oportunidade de verificar o problema (prevenindo e não remediando).
 

Segue a tabela com os estados brasileiros e o valor da alíquota correspondente ao estado de destino.

 
A tabela foi baseada na publicação: http://www.fiscontex.com.br/legislacao/ICMS/aliquotainternaicms.htm
 
Entendendo a aplicação:
Uma nota emitida do Paraná para São Paulo, segundo a tabela acima, deve ser utilizado a alíquota deICMS de 12%.