Com o surgimento de nosso portal interno em 2012, começamos a colocar em prática uma idéia que há muito tempo era discutida aqui na TecnoSpeed: a migração dos manuais de nossos produtos para a internet.

Após algum tempo e muita discussão, este processo mostrou-se muito maior do que imaginávamos inicialmente, e não só começamos a migrar nossos manuais, como também a documentar os processos internos dos departamentos da empresa. A isto demos o nome de “ Base de Conhecimento ”.

A Base de Conhecimento da TecnoSpeed visa unificar e classificar todo o conteúdo gerado dentro da empresa, criando um histórico que possa ser acessado a qualquer momento. Assim, para garantirmos a facilidade de acesso ao conteúdo, acreditamos que a taxonomia torna-se essencial, pois de que adianta possuírmos uma grande quantidade de conteúdo sem que este possa ser encontrado facilmente por todos que necessitem dele?

Com isto em mente, começamos a montar um mapa taxonômico dos departamentos, com o intuito de organizar o conteúdo por eles gerados. Este mapa serve como guia para a classificação de artigos através de  “ tags ”. Sempre que uma pessoa escrever um novo texto para a base de conhecimento, o mapa taxonômico ajudará a classificá-lo da melhor maneira possível.

O mapa descreve como classificar um texto identificando qual o setor responsável pela escrita do mesmo, a qual assunto macro este texto refere-se, e finalmente qual é o detalhamento deste assunto.

A classificação dos artigos publicados na Base de Conhecimento é formada pelas seguintes tags:

 


Portanto, qualquer artigo produzido na base de conhecimento terá no mínimo três tags para classificá-lo, ficando a cargo do autor a criação de tags adicionais, caso julgue necessário. A única regra é que no mínimo as três tags iniciais devem vir do mapa taxonômico. 


Abaixo, temos a primeira versão dos mapas taxonômicos dos departamentos de Consultoria Técnica e Desenvolvimento.

O mapa taxonômico da Consultoria Técnica


O mapa taxonômico do Desenvolvimento