O XML Destinatário que fica no diretório que é configurado a propriedade DiretorioXMLDetinatário, é o XML que o componente monta a partir do envio da nota e do XML de retorno da consulta da nota, este com o cStat 100 e xMotivo 'Autorizado o uso da NF-e', e ele é usado para fazer a impressão do DANFE e outras ocasiões como por exemplo se o contador precisar do XML, é esse que deve ser passado ao mesmo, o XMLDestinatário.
O XML com o cStat 100 e xMotivo 'Autorizado o uso da NF-e', é o XML que é gravado na pasta XML destinatário o qual o nome do arquivo termina com -sit ou -pro-rec, sendo que no pro-rec o xMotivo aparece no segundo nó do XML. 
Um dos problemas que pode acontecer, é este arquivo ser deletado, ou por algum problema de comunicação ele não ser gerado automaticamente na pasta XML Destinatário como o normal. O Desenvolvedor de Software deve se prevenir, para poder agir diante desse problema de uma forma rápida e simples.
Para isso, pode-se armazenar os caminhos destes logs ou os próprios XML, que normalmente não são interessantes aos usuários, mas no entanto são esses arquivos que constroem os XMLDestinatarios.

O Delphi disponibiliza um evento chamado OnLog, que captura o local do arquivo do log gerados conforme as funções executadas.

Para implementar esta rotina em seu software seguem as instruções:
Quando se usa o componente por BPL, selecione a BPL spdNFe e então vá nos Eventos, procure o evento OnLog e dê dois clicks em cima do espaço para digitar, assim, você irá entrar na procidure do evento. 

Segue imagem de exemplo:

No caso do XMLDestiatário de envio da NF-e a procedure do OnLog deve ficar da seguinte forma:

procedure TfrmDemoNFe.spdNFeLog(const aNome, aID, aFileName: string);
begin
       if aNome = 'env-lot' then
         _CaminhoEnvLot := aFilename
     else if aNome = ('sit' or 'pro-rec' ) then
         _CaminhoRetCons := aFilename   
end;

Para entender como ela funciona:
O evento OnLog captura o caminho do log, se o final do nome do arquivo log tiver "env-lot", então, o local do arquivo e seu nome são atribuidos à varável Global do tipo string _CaminhoEnvLot, senão, se o log criado tiver o fim do seu nome "sit" ou "pro-rec", o componente captura o local do arquivo e atribui o diretório completo à varável Global do tipo string _CaminhoRetCons.

Para isso ocorrer corretamente, o envio deve seguir a seguinte sequencia:
* O envio do XML da nota deve ser feito - _XMl := spdNFe.EnviarNF('001', _XMl);
* A ultima consulta deve ser a consulta da NF-e - _XMl := spdNFe.ConsultarNF(_XMl);

Assim, os caminhos dos respectivos logs estarão gravados nas variáveis _CaminhoEnvLot e _CaminhoRetCons podendo ser usadas para gerar o XML destinatário com a função: 
spdNFe.GerarXMLEnvioDestinatario(_ChaveNota, _CaminhoEnvLot, _CaminhoRetCons, spdNFe.DiretorioXmlDestinatario + _ChaveNota + '-nfe.xml');

Também podem ser usados os conteúdos dos Log, para isso, as variáveis que estiverem carregadas com os XML dos Logs, apenas precisam ser do mesmo tipo que os parâmetros  _CaminhoEnvLot e _CaminhoRetCons.

No caso onde o usuário deleta os logs, deve-se montar novamente os XML de envio e enviar o mesmo. Esta nota não será autorizada, o retorno do envio deve ter o xMotivo "Duplicidade de NFe", caso a nota seja autorizada, então esta não está identica à nota que já foi autorizada. 
Para obter novamente o Log de retorno da consulta, basta que consulte a chave da nota enviada. Após isso siga com o procedimento, passando os dados obtidos para a função spdNFe.GerarXMLEnvioDestinatario.

Assim, você terá novamente o XMLDestinatário para usa-lo conforme a necessidade de cada usuário.

Arquivos para download