Uma das maiores preocupações dos contribuintes e das Secretarias da Fazenda dos estados com relação à Nota Fiscal Eletrônica para Consumidor Final (NFC-e) é com relação à contingência.  Porém, para que o modelo funcione no varejo, foram criadas diversas regras e um modelo de contingência offline específico para a NFC-e. Veja abaixo as perguntas mais frequentes com relação a este assunto.

FAQ NFC-e

Como posso emitir uma NFC-e em contingência?

Em caso de problemas técnicos ou operacionais, o contribuinte poderá utilizar a contingência offline que consiste na emissão da NFC-e, sem a prévia autorização do Fisco, devendo, nesse caso, ser transmitida à Sefaz em um prazo de até 24h após a venda. A decisão da emissão da NFC-e em contingência é exclusiva do contribuinte e não depende de autorização do Fisco.

Se faltar luz no meu estabelecimento, como posso emitir a NFC-e?

A Sefaz recomenda a utilização fontes de alimentação ininterruptas do tipo nobreak. Além disso, o contribuinte poderá utilizar equipamentos com bateria interna, como laptops, tablets ou smartphones.

TecnoSpeed TI

"Mais software, menos esforço."