A partir 1º de agosto de 2017 , de acordo com a portaria publicada no dia 27 de junho pela  Secretaria de Estado da Receita da Paraíba (SER-PB), está proibido o uso dos equipamentos POS ( Point of Sale ) sem integração com o sistema de automação da empresa para bares, restaurantes, lanchonetes e similares.

Assim, torna-se obrigatório o uso do TEF (Transferência Eletrônica de Fundos) para receber pagamentos via cartão de crédito e débito.

Por duas ocasiões, a Secretaria de Estado da Receita aceito as ponderações das entidades, considerando as dificuldades operacionais das empresas do segmento em implementar o uso do TEF que deverá ser integrado ao sistema de emissão de NFC-e, adiando a data de obrigatoriedade.

No entanto, agora a obrigatoriedade está em vigor .

Com essa obrigatoriedade, o contribuinte deverá informar o CNPJ da credenciadora, a bandeira da operadora do cartão de crédito e o número de autorização da operação de TEF na NFC-e.

Homologue seu software com o TEF!

Com o Componente TEF você adapta seu software em apenas  duas horas  de implementação e ainda ganha mais uma forma de faturamento! 

Atenda seus clientes obrigados à utilizar o TEF e torne sua aplicação ainda mais atrativa no mercado, ou melhor, obrigatória para quem deseja estar de acordo com a legisção. 

Conheça o Componente TEF!