Você já parou para pensar no que a sua empresa vai desenvolver?

Você já parou para pensar em como surgiram as grandes ideias?

Você já parou para pensar em porque a sua ideia não foi adiante?

Você já teve uma grande ideia e depois de algum tempo, descobriu que aquela ideia foi realizada por alguém?

Pessoas criativas tem ideias o tempo todo e, infelizmente, a maior parte delas são simplesmente engavetadas e esquecidas, sem ao menos terem sido estressadas, a fim de saber se dariam certo ou não. A principal causa, sem sombra de dúvidas, é a falta de registro, organização e estruturação destas ideias. Sendo assim, não basta ter as ideias, é necessário entender como estruturá-las de modo que venham a se tornar realidade.

A ideia é o primeiro passo para inovar e inovação é essencial para poder  garantir a sustentabilidade da sua empresa no futuro , principalmente para empresas de tecnologia. Por isso, listei uma  série de ferramen tas e metodologias para auxiliar na geração e desenvolvimento de ideias. Hoje, trago a vocês um método bastante conhecido por todos: br ainstorming .

Brainstorming

O que é?

Proposto por Alex Osborn em 1953, o br ainstorming é uma técnica que utiliza a informalidade para resolver problemas, encorajando os participantes a compartilhar qualquer ideia que venha a mente sobre um tema pré-definido, por mais estranhas que elas possam parecer. Todas as ideias são inicialmente aceitas, pois a técnica não trabalha com o conceito de certo e errado, o importante é resolver a situação.

Apesar do estilo informal, o processo de br ainstorming   é bem estruturado e visa encontrar a solução ideal para o problema proposto, através da interação direta da equipe, entretanto, nada impede que a técnica seja exercida individualmente.

Brainstorming Individual

O sucesso da utilização da técnica individualmente depende da disciplina do usuário e foco no tema abordado, sendo assim, um ambiente propício, livre de interferências externas, é ideal para atingir os resultados esperados. Quando estas condições são alcançadas, o brainstorming individual pode ser até mais produtivo que a versão em equipe, uma vez que o ruído gerado na interação do grupo pode fazer sua produtividade baixar.

Brainstorming em Grupo

Se individualmente você deve trabalhar com ideias próprias, o brainstorming  em grupo ajuda a extrair a experiência e criatividade de todos a favor da resolução do problema, gerando uma boa quantidade de soluções. Para evitar a desordem, um mediador deve guiar a equipe nas etapas da sessão e o grupo não deve ter mais que 7 participantes.

Enquanto uma sessão individual é mais eficaz para a resolução de problemas simples, o grupo de br ainstorming   é voltado para problemas complexos.

Como?

  1. Preparar a sessão : Defina o tema, prepare o ambiente e os materiais necessários na sessão (papéis, canetas, post-its). É importante que todos consigam visualizar as ideias registradas para evitar repetições.
  2. Apresentar o problema : Defina claramente o problema a ser resolvido e as condições que devem ser atendidas. A ideia é obter o maior número de soluções possíveis, malucas ou não. Antes de começar, o mediador deve ter certeza de que o grupo tem conhecimento do assunto a ser abordado e, ao longo da sessão, as pessoas devem seguir o tema sem perder o foco.
  3. Inspire-se : Ofereça, nos minutos que antecedem a sessão, uma oportunidade aos participantes para revisarem anotações ou fazer uma pequena reflexão sobre o tema proposto.
  4. Evite : O conflito na fase de geração de ideias muitas vezes inibe o envolvimento dos participantes, sendo assim, o moderador deve manter o foco do grupo na criação e não no debate.
  5. Promova : A sessão de brainstorming deve ser livre de censura para que o maior número de ideias seja alcançado.

Tenho uma pilha de ideias e agora?

Agora que você já conseguiu fomentar uma gama de ideias, você pode utilizar diferentes técnicas para organizar e selecionar estas ideias, sendo que, a mais intuitiva delas é a utilização de um diagrama de afinidades. O diagrama de afinidades ajuda a organizar a ideia em temas comuns, facilitando o descarte ou combinação de ideias repetidas de forma bem simples:

  • Anote cada ideia em cartões ou post-its;
  • Agrupe as ideias semelhantes;
  • Defina grupos com o tema das ideias semelhantes até que todos os cartões sejam alocados; 

Caso ainda reste um grande número de ideias desagrupadas, pode ser feita uma multivotação antes da formalização das soluções . A multivotação permite que os participantes escolham um número X de itens (normalmente 1/3 da lista) e atribuam valores de 1 a 5, conforme a sua importância, priorizando as ideias.

O brainstorming é uma metodologia poderosa para a geração de ideias, porém o fundamental é o consenso do grupo em relação ao problema a ser resolvido, uma vez definido o foco, independente da ferramenta escolhida, os resultados devem convergir na resolução do mesmo.

 

 

 

Fontes:

http://negociosemdetalhe.com.br/brainstorming-7-maneiras-de-gerar-ideias-criativas

http://exame.abril.com.br/revista-voce-sa/edicoes/181/noticias/como-fazer-um-brainstorming-eficiente