Meritocracia

As coisas mudaram e isso é um fato. O mundo mudou e as pessoas também. As expectativas pessoais e profissionais mudaram junto com as pessoas.

Aquela ideia de estabilidade vitalícia num emprego que não satisfaz, que não engaja e que as pessoas não mudam por puro comodismo não é mais compartilhada pela maioria dos jovens desde a geração Y.

Hoje falamos em realização pessoal e profissional, em satisfação,  bem-estar e qualidade de vida. A forma de reconhecimento passou do aumento salarial para a valorização pessoal.

Hoje em dia não é suficiente ter ensino superior e anos de experiência para garantir estabilidade financeira. Os colaboradores já não são mais valorizados simplesmente pelo tempo de casa e constantemente o novo toma novos lugares.

Meritocracia

Você trabalha numa empresa à três meses. Entrou cheio de gás e ideias novas pra por em prática, aprendeu o necessário pra desempenhar com excelência a sua função. (...) Continue lendo.